Alunos do curso de Agronomia da Uergs cumprem estágio em propriedades rurais

Alunos do curso de Agronomia

Uma das particularidades do curso é que 50% dos alunos são do sexo feminino

Os vinte e oito alunos do curso de Agronomia da Uergs saíram, no dia 19, quarta-feira, às 14h30, para cumprir estágio nas propriedades rurais do município, onde deverão ficar durante três dias.

De acordo com Anor Aluisio Menini Guedes, coordenador do curso de agronomia, o curso da Uergs se propõe a formar um profissional que tenha a consciência da realidade sobre agricultura. Ao longo do curso, há varias oportunidades de estágio para que os alunos tenham a dimensão de como é a realidade dos agricultores e também, mais à frente, a respeito da diversidade que há nas formas de desenvolver a agricultura e a pecuária. O estágio que os alunos fazem nas propriedades cumpre o papel de colocar o aluno na prática, no dia a dia do que ele vem estudando em sala de aula, assim eles interagem com outros tipos de conhecimento.

Segundo o coordenador, os agricultores já existentes e que abrem suas propriedades para receber esses alunos, têm um papel muito importante na formação dos futuros profissionais. “Como o curso está começando, há uma dificuldade de articulação no sentido de logística para a prática desses estágios. A metodologia que usamos foi pedir apoio às instituições, assim elas indicam produtores que podem receber alunos. Então, nesse estágio, a Emater, a cooperativa Coperforte, a Associação dos produtores e a prefeitura indicaram produtores”, destacou Anor.

“Cada um de nós, alunos, iremos para uma propriedade diferente, que tem diferentes modos de produção existentes no município, com o objetivo de fazer análise superficial não econômica, para debates e estudos em sala de aula, posteriormente. Estamos fazendo faculdade de agronomia, e para sermos agrônomos com o pé na realidade, temos que fazer essa etapa mais prática”, analisou Marco Antônio de Almeida, 22 anos, aluno do curso de Agronomia.

 

Notícias Relacionadas

Os comentários são moderados. Para serem aceitos o cadastro do usuário deve estar completo. Não serão publicados textos ofensivos. A empresa jornalística não se responsabiliza pelas manifestações dos internautas.

Deixe uma resposta

Você deve estar Logando para postar um comentário.