Brigada cumpre mandados de prisão contra condenados por porte de armas

Um dos acusados foi preso no bairro Prado, e o segundo, também durante policiamento, no Parque São José

Diego Lucas Pereira Arce sendo conduzido pelo Pelotão de Operações Especiais.

A Brigada Militar continua com a operação dos capturados, em Sant’Ana do Livramento, e outros dois condenados pela Justiça local foram encaminhados para a Penitenciária Estadual de Livramento. Conforme informações policiais, na terça-feira (11), por volta das 12h30, foi preso na rua Francelino Cursino dos Santos, Parque São José, Diego Lucas Pereira Arce. Conforme informações do processo judicial, no dia 6 de julho de 2005, por volta das 20h40, na Rodovia Federal BR-293, no trevo de acesso à Vila Real, o acusado portava um revólver marca Rossi, calibre .32, de acabamento oxidado, cabo de madeira, com a numeração raspada, municiado com três cartuchos de mesmo calibre, arma de fogo e munições de uso permitido, o que fazia sem autorização e em desacordo com a determinação legal e regulamentar.

O réu foi preso em flagrante delito, em 7 de julho de 2005. Na mesma data, foi posto em liberdade.

 

Na quarta-feira (12), a Brigada também prendeu Fabio Ricardo da Silva Risso, vulgo Fabio da Canha. A ação ocorreu às 12h20, na rua Túlio Chaves, bairro Prado. Conforme condenação, no dia 14 de agosto de 2005, por volta das 4h20, na mesma rua, o denunciado possuía e mantinha sob guarda, sem autorização e em desacordo com a determinação legal e regulamentar, arma de fogo de uso permitido, uma espingarda de calibre .28, oxidada, cabo de madeira, sem marca definida, com a qual efetuou um disparo em via pública.

A arma de fogo foi submetida a exame pericial preliminar, sendo constatada sua potencialidade lesiva. O denunciado foi preso em flagrante, à época do crime.

 

 

.

 

Notícias Relacionadas

Os comentários são moderados. Para serem aceitos o cadastro do usuário deve estar completo. Não serão publicados textos ofensivos. A empresa jornalística não se responsabiliza pelas manifestações dos internautas.

Deixe uma resposta

Você deve estar Logando para postar um comentário.