População prestigia feiras promovidas por entidades

Em busca de ofertas e preços baixos, centenas de pessoas compareceram aos eventos promovidos na Assandef e Cidade de Meninos

A procura pelos produtos foi tão grande na Assandef, que se formou até uma fila em frente da entidade assistencial

Uma oferta de centenas de itens, provenientes de doações recebidas da Receita Federal, serviu de base para que duas entidades assistenciais promovessem eventos abertos ao público, neste sábado, com a finalidade de arrecadar recursos para suas obras assistenciais.

A partir das 8h, muitas pessoas já formavam filas para ter acesso aos locais onde aconteceram as feiras.

A procura foi tanta, por parte da comunidade, que antes do meio-dia a maioria dos produtos já tinham sido comercializados.

Brique tem de tudo

A comercialização dos produtos na Cidade de Meninos também foi um grande sucesso

A Associação Santanense dos Deficientes – Assandef denominou o evento de “Brique tem de tudo”, colocando à venda as doações da Receita Federal, compostas basicamente de roupas e sapatos usados, e outros, angariados junto à comunidade. A Presidente da entidade, Leila Suzan Medina Xavier, disse que a casa está sempre aberta a doações viáveis de venda, e agradeceu àqueles que contribuíram para a realização do evento, no qual estiveram envolvidos a diretoria, funcionários, colaboradores e usuários da Assandef. 

Carlos Nilo, um dos integrantes da diretoria, observou que mesmo as entidades filantrópicas recebendo ajuda governamental, a mesma não é suficiente para atender as necessidades. Por isso, as doações recebidas da Receita Federal contribuem muito para que a Assandef consiga oferecer um serviço com qualidade. Atualmente, são atendidas 200 pessoas por mês, com as mais diversas demandas.
A entidade, que completou 24 anos recentemente, no dia 28 de maio, inaugura um dos blocos da nova sede, que está sendo construída no Armour. Este será o primeiro, entre os três que serão construídos. No local, funcionará a secretaria, a fisioterapia e estruturas de banheiros e salas complementares.

Cidade dos Meninos

Genecy Charopen e o esposo fizeram boas aquisições

Atendendo atualmente mais de 160 crianças, a Cidade de Meninos pretende utilizar os recursos provenientes da venda dos produtos doados pela Receita Federal para completar a obra de ampliação do berçário, visando atender até 35 crianças, em dois turnos, conforme informou a diretora Marinez dos Santos Oliveira. Ela relatou que as doações vieram em um momento de poucos recursos, e por esse motivo a instituição fica imensamente grata à Receita Federal.
O Bazar Beneficente realizado sábado colocou à venda mais de 500 itens, desde meias até jaquetas, artigos esportivos, tênis, cosméticos, entre outros. Muitas pessoas aguardaram na fila para serem atendidas, e todas as compras foram efetuadas mediante apresentação do CPF. A distribuição dos produtos em bancadas facilitou a identificação e o acesso dos interessados, que tiveram a oportunidade de adquirir uma variedade enorme de itens. “Esta é a primeira vez

Vaquiria Zago, a filha Juliana e o genro Juliano, presentes no Bazar da Cidade de Meninos

que venho aqui, e vou levar jaquetas e material esportivo. Os preços são ótimos e acho importante contribuir com a Cidade de Meninos”, observou Genecy Charopen. Também participou do bazar, Valquiria Zago, que estava acompanhada da filha Juliana e do genro Juliano Barboza Gonçalves: “Todas as aquisições que fiz são para o meu marido”.

 

 

.

Notícias Relacionadas

Os comentários são moderados. Para serem aceitos o cadastro do usuário deve estar completo. Não serão publicados textos ofensivos. A empresa jornalística não se responsabiliza pelas manifestações dos internautas.

Deixe uma resposta

Você deve estar Logando para postar um comentário.