Defesa Civil recebe veículo e anuncia simulado de catástrofe na Fronteira

Veículo Chevrolet Zafira foi entregue para a Delegacia Regional da Defesa Civil

Durante o Workshop de Defesa Civil sobre Integração dos Sistemas de Emergência Livramento-Rivera, o presidente da Companhia Riograndense de Mineração, Elifas Simas, e o diretor administrativo da Companhia, Marcio Cairuga, acompanhados pelo membro do Conselho de Administração, Carlos Eduardo Grisolia da Rosa, fizeram a entrega de um veículo Chevrolet Zafira para a Delegacia Regional da Defesa Civil, que tem sede em Candiota e abrangência também em Sant’Ana do Livramento.

Em outro momento do evento, o diretor do Sistema Nacional de Emergências do Uruguai, coronel Waldo Corteze, falou sobre o plano do país vizinho e, conforme o coordenador regional de Sant’Ana do Livramento, capitão Max Geraldo Meinke, o trabalho realizado no Uruguai é parecido com o realizado no Rio Grande do Sul. “As atividades acontecem a partir de um plano de contingência para cada evento adverso, integrado com os órgãos de segurança locais”, disse Meinke. Segundo ele, o objetivo é construir soluções conjuntas, já que, em casos de emergência, os dois países (Uruguai – Rivera e Brasil – Livramento) são atingidos. 

AVALIAÇÃO

Capitão Max Geraldo Meinke, coordenador Regional de Defesa Civil

O Workshop se mostrou um sucesso, um evento que marca de forma contundente, pelas pessoas que vieram de toda a região, de Rivera e Livramento. A parte da Defesa Civil do Estado, especificamente nossa coordenação, com a coordenadoria municipal de Livramento, com o Comitê de Emergência de Rivera, para constituir, em Livramento, um programa inédito e de referência.
Queremos constituir um plano de contingência que prepare as duas cidades para responder a eventos adversos, como vendavais, acidentes de grande porte, sejam eles de causas naturais, ou provocados pela ação humana. Provavelmente, no fim de maio e início de junho, vamos fazer um exercício simulado, já testando todo este sistema que está sendo montado.

AVALIAÇÃO

Tenente-coronel Adilomar Jacson Silva, coordenador Regional de Defesa Civil, Santa Maria.
Neste evento de Livramento, nós temos um diferencial que é unir dois países, que pela característica local, falam a mesma língua. Estou usando este exemplo, porque é isso que vai determinar o sucesso em ações de grande porte, como ocorreu em Santa Maria.
Somente quando tu consegues planejar junto e antecipadamente, estabelecendo relações pessoais, é possível diagnosticar os recursos e agilizar as respostas.

.

Notícias Relacionadas

Os comentários são moderados. Para serem aceitos o cadastro do usuário deve estar completo. Não serão publicados textos ofensivos. A empresa jornalística não se responsabiliza pelas manifestações dos internautas.

Deixe uma resposta

Você deve estar Logando para postar um comentário.